O Mercado de Natal de HAMBURGO... Alemanha...

Este é o primeiro de dois posts sobre Hamburgo, uma cidade que me surpreendeu, encantou e me deixou o desejo de voltar...
Logo na chegada à Estação Central de comboios, depois de 20 min de viagem no S-Bahn, directo do aeroporto, a bonita decoração natalícia deixava antever o que nos esperava nos dias seguintes...

 ...para evitar colocar aqui duzentas fotos de uma só vez resolvi escrever por duas vezes sobre Hamburgo, que entrou directamente para o meu top pessoal de cidades elegantes e distintas da Europa. Este post é por isso, apenas, sobre o seu famoso Mercado de Natal que, na verdade, foi a principal razão da viagem... a descoberta dos encantos da cidade fica para o próximo post... :-)
Quem já foi à Alemanha nesta época conhece, com certeza, a beleza e animação dos seus Mercados de Natal, que se realizam geralmente do final de Novembro ao dia 23 de Dezembro e que, todos os anos, são atração para milhares de visitantes...  

 ...mas, na verdade, em Hamburgo não havia um mas sim vários Mercados de Natal. O principal e  maior ficava em frente à Rathaus , mas vários outros , mais pequenos mas igualmente animados estavam montados em pracetas e ruas mais pequenas e ao longo da principal rua comercial da cidade, a Mönckebergstrasse, que vai da Hauptbahnhof ( estação central de comboios) até à Rathaus...

 ... uma dos productos mais tipicos é o famoso vinho quente "punch" que é preparado em grandes caldeirões de cobre e servido em canecas decoradas com motivos de natal com o nome da cidade... cada cidade tem canecas ou copos diferentes o que quer dizer que se pode fazer colecção...ehehe...nesta viagem consegui logo duas, uma do mercado de natal de Hamburgo e outra do de Lubeck, onde fomos um dos dias. Mas como uma bebida quente em climas frios é sempre muito necessária e como há as crianças e adultos que não bebem alcool ( eu!!) o "punch" também pode ser sem alcool e nesse caso é uma deliciosa bebida quente de maçã... :-)

 ... as barraquinhas de doces também eram uma tentação...



 ... os mercados funcionam geralmente das 10 h da manhã ás 9 h da noite e ao fim de semana até às 10. Embora animados durante todo o dia era à hora do almoço e à noite que as filas para as barraquinhas da comida eram maiores... e não faltavam opções! Na verdade experimentámos várias iguarias mas a única de que me recordo o nome são os famosos Bratwurst , as salsichas alemãs grelhadas na chapa e servidas num pão pequenino e ligeiramente tostado....delícia! :)

 ...crepes...

 ... aqui uma senhora  vendia uns pães grandes e redondos com uma cobertura de ingredientes tipo pizza... o que vale é que as comidas eram intervaladas com as barraquinhas de artesanato se não corria o risco de vir de lá a rebolar ou pagar por excesso de peso no avião, no regresso... :)









 ... umas Renas voadoras embelezavam o edifício, já por si lindo, da Rathaus para a foto...

 ... aqui venda exclusiva de ovelhas de lã... fofas,fofas,fofas!!! :) Nem sei como resisti...



 ...salmão grelhado para variar da carne... tudo para todos os gostos!

 ...hum qual escolho?? :-)

 ... em qualquer praça, entre modernos edifícios em redor da Mönckebergstrasse, continua a azáfama e a animação...

 ...tudo convida ao convívio e reina a boa disposição...



 ... as restrições com a bagagem de mão impediram-me de arrasar com o orçamento para as prendas de natal...ehehe



 ... e se o dia era animado a noite não lhe ficava atrás...



 ...e com o brilho das luzes tudo era ainda mais encantador...





Como fui: aproveitei as incríveis promoções que a Ryanair fez, em Outubro/ Novembro, para vários destinos da Europa. Escolhi o hotel a poucos minutos a pé da Estação Central uma vez que fica perto de tudo, há comboio directo do aeroporto até lá e o voo de Lisboa para Hamburgo chegaria à noite. Como também queriamos ir a Lubeck de comboio e adoramos andar a pé a escolha não poderia ter sido melhor...

4 comentários:

Roadrunner disse...

Ora aqui está uma cidade da Alemanha que sempre me despertou grande curiosidade, e que está agendada, espero, para breve.
Sendo a segunda maior cidade alemã, e uma cidade portuária, terá de certeza muitos e bons motivos para ser visitada, isto apesar de ter sido bastante bombardeada pelos ingleses na II Guerra. Mas como sabemos os alemães são exímios em matéria de reconstrução.
E que saudades dos mercados de Natal tão comuns nos países da Europa central. Geralmente escolho sempre o princípio de Dezembro quando me desloco a esses países, porque adoro toda aquela atmosfera, o convívio, os produtos, o vinho quente, os pequenos concertos, etc.
Infelizmente, este ano não pude manter a tradição de rumar para aquelas paragens, mas para o ano espero voltar à carga!

Saudações e votos de um excelente 2016!

Margarida disse...

Roadrunner

Hamburgo também me despertava grande curiosidade pelos mesmos motivos. Curiosamente já repeti algumas das grandes cidades alemãs e ainda não tinha conseguido planear uma viagem para lá...o mercado de Natal é um encanto como seria de esperar. Adorei a cidade, gostaria de lá voltar no verão para aproveitar os parques, as margens dos lagos,o zona do porto e muito mais... :)
Abraço e um óptimo ano de 2016, com votos de que, para o ano, consiga continuar a tradição de visitar os mercados de Natal... :-)

Ana S. disse...

Que fotografias tão bonitas! E o mercado, uma maravilha. Estava mesmo cheio! Foi uma excelente ideia aproveitar as mega promoções da Ryanair, claramente valeu a pena :) E ainda deve ter arranjado prendas de Natal bem originais! Não conheço Hamburgo mas fiquei cheia de curiosidade!

Um excelente 2016 :)

Margarida disse...

Olá Ana

Obrigada!
Realmente a ideia de ir a Hamburgo, nesta altura, surgiu quando vi as promoções da Ryanair mas, na verdade, Hamburgo já era uma cidade que eu queria conhecer...e não me desiludiu! :)
O mercado é um encanto e as tentações muitas...o que valeu foi que, como não comprei mala de porão,não pude exagerar nas comprinhas...ehehe

Um feliz ano de 2016 também para si! :)

AS VIAGENS DE MARGARIDA