ISLÂNDIA... Ring Road... de Vik a Höfn...

De Vik a Höfn, a nossa próxima paragem, são cerca de 270 km. Esta região do sul da Islândia é onde se encontram os grandes glaciares e  os Parques Nacionais Vatnajökull e Skaftafell por isso, quem tenha como objectivo fazer passeios organizados em jipes todo-o-terreno ou caminhadas sobre o gelo, deve ficar pelo menos 2 noites em Vik ou em Höfn. O nosso hotel em Vik organizava passeios aos glaciares.
...como não estava nos nossos planos nenhum passeio organizado ficámos apenas uma noite em Vik e seguimos, na manhã seguinte, pela Estrada 1 rumo a Höfn... o tempo não ajudava, mas mesmo assim a paisagem era fantástica! Uma imensidão de pedras, cobertas por uma espécie de musgo verde, ladeava a estrada logo á saída de Vik...





... e logo em seguida ao musgo verde uma paisagem absolutamente lunar, com o solo coberto de terra , areia e pedras pretas a perder de vista... a velocidade com que a paisagem da Islândia muda em apenas alguns kms é realmente surpreendente...



... um mar de gelo ao fundo, entre as montanhas, bem visível da Estrada 1...











...as fotos nunca conseguem transmitir o efeito ao vivo das massas de gelo...



...alguns kms depois fica Jökursárlón... esta gélida lagoa azul é a maior e mais profunda lagoa glaciar da Islândia. Formou-se depois do glaciar começar a recuar durante os anos 40. É verdadeiramente fantástica a visão dos pedaços de gelo branquinhos, em contraste com o azul da água, a areia preta e a maior massa de gelo da Europa no horizonte...







...é possível fazer passeios de barco por entre os Icebergs nos cerca de 3 km da lagoa. Lá mesmo, no local, o Visitor Centre tem todas as informações necessárias. Com o frio cortante, a chuva e a pouca visibilidade achámos que seria melhor deixar o passeio para uma próxima oportunidade...

... Höfn , que significa " Porto", é uma cidadezinha de pescadores com pouco mais de 1500 habitantes e fica localizada numa península rodeada por várias pequenas ilhas... 

... a cidade vive fundamentalmente da pesca e do turismo. Apesar de bem pequena tem várias opções de alojamento e excelentes restaurantes...

... escolhemos o hotel Edda Höfn , da cadeia islandesa Edda Hotels, principalmente pela sua localização. Mesmo no centro da cidade, directamente em frente ao bonito porto de pesca...

...na entrada do hotel banquinhos para apreciar a vista... de preferência sem uma chuvinha chata!  :-)

...os quartos eram bastante confortáveis, a vista incrível e o staff super simpático... pena que a chegada de um bus carregadinho de gente barulhenta, daquela que fala alto nos corredores e arrasta malas enormes, tenha prejudicado bastante a minha opinião sobre o hotel... de qualquer modo, para quem não se incomode com a presença de grupos, o hotel é uma excelente opção...

...vista do quarto...

...o porto de Höfn ,com os seus coloridos barcos de pesca, é mesmo um encanto...



...o jantarinho foi no restaurante Humarhofnin a dois passos do hotel... 

...com um ambiente muito acolhedor é especializado em frutos do mar, especialmente Lagosta. Este as diversas opções, mais simples ou mais sofisticadas, que incluíam este delicioso ingrediente escolhi uma Langoustine Pizza , que por acaso estava óptima...

10 comentários:

Roadrunner disse...

Com as fotos que aqui tenho visto ainda me despertou mais o desejo de ir à Islândia! Uma maravilha da natureza!

Saudações!

Claudia Liechavicius disse...

Margarida,

Quanto tempo, menina! Tenho viajado muito e trabalhado também bastante. Quando estou aqui no Rio nem tem sobrado tempo para escrever ou entrar na internet para visitar os blogs dos amigos.

Que bela surpresa essa viagem para a Islândia. Tenho muita curiosidade de conhecer. O que me assusta sempre é o frio. rs

Lindas fotos e belo relato.

Um beijo

Claudia

Margarida Nobre disse...

Roadrunner

Estou mesmo a imaginar fotos da Islândia lá no seu Blog... :-) ...ficariam espectaculares com certeza!
Não deixe de ir! É uma viagem e tanto...
Abraço

Margarida Nobre disse...

Claudinha

Eu também estou cheia de trabalho! Por isso mesmo nem tenho deixado comentários lá no seu Blog...mas tenho dado umas olhadelas rápidas por lá e os posts continuam fantásticos! :-)
Como vc sabe o frio não me assusta...hehe...mas mesmo para quem gosta de calor a viagem vale o sacrifício... quando for até lá vai ser perceber por quê! :) :)

Beijo grande

Beatriz disse...

Uau!!!!
Passeio de barco entre os icebergs, brbrbrbr......que frio gélido deve ser! Sem dúvida que é um país fascinante!!! Mas ainda assim, prefiro um lugar mais "warm".
Pois é... Quem mandou nascer no Rio, em pleno verão 42ºC ????

Beijinhos, Margarida!

Bia

Margarida Nobre disse...

Bia

Ainda bem que não gostamos todos do mesmo...já pensou viajarmos todos para o mesmo lugar??
Pois eu detesto o calor... eheh...no ano passado, nos Estados Unidos foi o que mais me custou a aguentar...
Dentro em breve vou para outro destino mais frio ainda...lindo demais,também!

Beijinhos

Anónimo disse...

Boa tarde Margarida
Descobri o seu blog nas minhas intermináveis pesquisas sobre a Islândia, gostaria de saber como foi conduzir por lá. Tenho lido muitas opiniões contraditórias e estou um pouco confusa. Que tipo de seguro fez para o carro?
Obrigada

Silvia

Margarida Nobre disse...

Olá Silvia

Na verdade não foi nada difícil conduzir na Islândia... :-)
O carro tinha o seguro standard e mais um seguro de vidros e amolgadelas que possam ser feitas com pedras que saltem da estrada com o carro em andamento. Mas mesmo esse seguro não teria sido preciso... a estrada 1 é boa, tem apenas alguns km ainda de terra mas nada complicado...
Como é obvio não saímos das estradas principais porque para viajar pelo interior ( estadas que começam por F ) só com veículos todo o terreno. Aliás no nosso carro vinha colocado um autocolante de proibição de circular nessa estradas.
Se quiser sair das estradas principais aconselho que o faça em passeios organizados com guia...

Anónimo disse...

Obrigado pela ajuda Margarida!
Não estou a pensar sair das estradas principais, até porque levo uma pequenita pouco dada a abanões e solavancos.
Vou também ficar no hotel Aldan, seguindo a sua dica, parece ser maravilhoso.
Espero que seja viável economicamente jantar lá também, pois aquele bacalhau fresco ficou-me no olho!!!

Silvia

Margarida Nobre disse...

Silvia

Se ficar no hotel Aldan vai ter a oportunidade de se deliciar com uma vista incrível ao chegar... além do bacalhau fresco... :-)
Tal como nos outros países nórdicos os preços dos restaurantes são um pouco elevados mas mesmo assim achei a Islândia um pouco mais acessível do que a Dinamarca por exemplo...
Tenho a certeza que vai adorar!

AS VIAGENS DE MARGARIDA