A surpreendente PITTSBURGH...USA...

A vontade de visitar Pittsburgh surgiu enquanto procurava uma cidade que ficasse mais ao menos a meio do percurso de 18 h de comboio entre Philadelphia e Chicago... A ideia inicial de ficar apenas uma noite  rapidamente foi posta de parte quando comecei a pesquisar sobre a cidade. Além do muito que havia para ver apareceu também a oportunidade de assistir a um jogo de Baseball num dos mais bonitos estádios da América! Além de tudo isso Pittsburgh tinha, para mim, uma outra atracção muito especial... ser uma das mais improváveis cidades Americanas a ser incluída num roteiro de viagem pelos Estados Unidos...e isso é exactamente o que eu mais gosto! No meu roteiro particular que incluia Pittsburgh a chegada foi planeada para o início da noite de um quente sábado de Agosto, mesmo a tempo de assistir ao fogo de artifício que comemorava o final do jogo nocturno de Baseball da equipa da casa, os Pittsburgh Pirates...
...por indicação do simpático staff do nosso hotel, Mount Washington, a colina que se ergue em frente a Downtown seria o local mais adequado para assistir ao espectáculo de luz e cor sobre a cidade... o local do estádio dos Pirates, mesmo á beira-rio é onde está a intensa luz branca na foto...
...apesar das fotos não serem de profissional :) dá para ter uma ideia da fantástica vista nocturna  sobre Downtown Pittsburgh...
...para subir a Mount Washington utilizamos uma das duas "Inclines" que existem em Pittsburgh...a Duquesne Incline é uma pequena linha férrea inclinada com mais de 100 anos...

...a visão da confluência dos 3 rios brilhando sob o fogo de artifício foi uma imagem para recordar sempre...
...os rios Allegheny e Monogahela juntam-se em Pittsburgh formando o rio Ohio...

...na manhã seguinte e antes do jogo de Baseball fomos visitar um  museu  muito original...

...Senator Jonh Heinz Historic Center ... é o maior museu histórico da Pennsylvania....


...e quem não conhece o Heinz Ketchup?? ... pois é...nasceu em Pittsburgh em 1869... :)) ... na próxima vez que o virem na prateleira do supermercado ou colocarem umas gotas, num cantinho do prato, para temperar as batatinhas vão pensar em Pittsburgh... hehe

...as latinhas originais do molho de tomate...

...e um recanto do museu bem acolhedor...

...ao final da manhã de Domingo, inicio da tarde, como bons Americanos :) dirigimo-nos ao PNC Park , para assistir em familia ao jogo de Baseball da equipa da cidade. Os Pittsburgh Pirates têm como casa um estádio incrível... outra vista para mais tarde recordar...
...assitir a um jogo de Baseball nos Estados Unidos é uma experiência inesquecível... tudo muito bem organizado, com um ambiente fantástico. É realmente um espectáculo para familias. Aliás vi nas bancadas bébés quase recém-nascidos... :)
...a vista sobre Downtown Pittsburgh é de cortar a respiração...

...até o meu filhote basquetebolista concordou que a experiência tinha superado a do jogo da NBA na Madison Square Garden em New York no ano anterior...

...no final os Pirates até perderam , mas isso em nada diminuiu a boa disposição de todos...ordeiramente fomos saindo do estádio passeando sobre uma das 446 pontes de Pittsburgh... mais 3 do que Veneza!:)
...na segunda-feira , como o comboio para Chicago partia só á meia-noite, pudemos aproveitar ainda bastante da cidade...
...e passear nas ruas limpas e arranjadas de Pittsburgh...

... Pittsburgh é históricamente conhecida como The Steel City pelos anos em que a Indústria do Aço era o motor económico da cidade...
...quando a indústria do aço começou o seu declínio, Pittsburgh transformou antigas fábricas e armazéns e a cidade reeinventou-se. Hoje continua a ser economicamente forte mas em áreas como os cuidados de saúde, educação ( tem várias universidades importantes e um hospital universitário de topo!), tecnologia, robótica e área financeira. Foi considerada pela Forbes e pelo The Economist uma das melhores cidades americanas para ser viver...
... The Market Square... para uma pequena pausa durante o dia ou para um jantarinho á noite em algum dos seus  muitos e bons restaurantes...


... a face ultra-moderna da surpreendente Pittsburgh...


... a vista ao passar uma das pontes para novamente subir a Mount Washington, agora em plena luz do dia...
...várias placas relatam factos importantes sobre a história da cidade...

...e perto de Station Square surge a segunda Incline... Monongahela Incline, que nos leva de novo a Mount Washington...

...Em Mount Washington fica a Grandview Avenue...

...ladeada de casinhas encantadoras como estas...


... que têm vistas inigualáveis das janelas e dos alpendres...

...aliás, Pittsburgh está definitivamente no meu top de cidades com vistas inesquecíveis...

... e aqui está novamente a Duquesne Incline , na outra ponta da Grandview Ave , por onde tinhamos subido a Mount Washington na noite da chegada...
...e a vista, quase na hora da partida, exactamente do mesmo ponto da nossa primeira noite em Pittsburgh...The City of Bridges...
...não podia também deixar de falar de dois fantásticos restaurantes que escolhemos em Pittsburgh... este fica no Strip District, perto do museu Heinz. Chama-se Kaya e serve comida com sabores exóticos e influência do Caribe...
...ainda antes de apanhar o Capitol Limited para Chicago á meia-noite, jantámos na Market Square. O Sienna Sulla Piazza superou as expectativas... suspiro pelo risoto de lagosta até hoje... :)


...a minha prioridade quando escolho os destinos de viagem, principalmente em viagens longas é conhecer lugares em que não me sinta apenas mais uma turista num bilião de turistas. Por isso gosto de viajar para lugares onde posso usar os transportes públicos em segurança, ir ao teatro, ao cinema, assistir a concertos, comer nos restaurantes locais, descansar nas praças e percorrer a pé largas avenidas ou ruas estreitas... sem guias, sem percursos pré-definidos por agências de viagens... o que eu mais adoro nas minhas viagens é a sensação de liberdade... durante o tempo que estive em Pittsburgh senti que fui apenas mais um dos 300 mil habitantes da cidade e, como em todos os lugares por onde passei nos Estados Unidos , fui livre de fazer tudo o que me apeceteu... e isso faz toda a diferença...

10 comentários:

Claudia Liechavicius disse...

Margarida,

Certamente essa viagem tem o seu jeito de ser. Lugar super civilizado, seguro, livre, de fácil acesso, bons restaurantes. Já sei como você gosta de viajar. hehe

Também odeio agências de turismo. Não uso de maneira nenhuma. Organizo tudo que posso... até o país me frear (como é o caso do Butão). rs

Adorei suas fotos noturnas. Visual incrível.

Beijos

Claudia

Margarida Nobre disse...

Claudia

Eu adoro a liberdade... que geralmente vem com segurança,organização e limpeza...também por isso eu AMO a Europa!!
Eu viajo sempre para aprender alguma coisa e ver desordem, caos e sujidade não me enriquecem como pessoa nem me ensinam nada...
Não saio do meu país lindo para ver miséria e pobreza,por muito exótico que isso possa parecer...rsrs

Beijos!
Ps:em Março vou fazer uma viagem que não está bem dentro dos meus padrões...espero não me arrepender...hehe... mas a cidade é tão bonita que vale o risco...rsrs

Claudia Liechavicius disse...

Qual será?

Estou curiosa!!!!

Beijo

Margarida Nobre disse...

Claudia querida!

Fui procurar informações sobre ela lá no seu blog e não achei...aparentemente vc ainda não foi até lá...rsrs

Beijos!

Roadrunner disse...

Sem dúvida uma cidade bonita e com muitos pontos interessantes.

Saudações!

Margarida Nobre disse...

Roadrunner

É verdade!Pittsburgh foi um ponto alto,um pouco inesperado,desta viagem aos Estados Unidos...
Abraço

Silvinha disse...

Oi Margarida , vou a NY em Novembro e quero ir a Pittisburg , voce foi a casa da cascata ?

Margarida Nobre disse...

Olá Silvinha

Não,não fui.É um pouco distante da cidade e não deu tempo...

Boa viagem em Novembro!

Nanna Sweeties disse...

Olá Margarida!!! Estou planejando uma viagem à Pittsburgh, por ser fã dos Pittsburgh Steelers, quero levar meu filho lá. Você sabe informar qual o melhor bairro para se ficar por lá, onde fica mais perto de tudo?
Desde já muito obrigada por todas as informações, já é um grande começo pro meu planejamento de viagem!!! :)

Margarida Nobre disse...

Olá

Eu fiquei na baixa da cidade e achei que foi a melhor opção. Na secção Hoteis aqui do Blog está o Hotel em que ficámos em Pittsburgh.
É um hotel da cadeia Marriott muito bem localizado para os estádios, tanto dos Pirates como dos Steelers.
Para o jogo de basebol que assistimos foi facílimo ir a pé...

AS VIAGENS DE MARGARIDA