Brighton... The King`s Beach...

Na costa de Sussex, a cerca de 80 km a sul de Londres, Brighton é a mais famosa e popular praia de Inglaterra!



Em meados de 1780, o então Príncipe de Gales, George, atraído pelas propriedades medicinais da água do mar e ainda pelo clima, alugou uma pequena quinta e começou a frequentar Brighton.
George era um homem extravagante, com paixão pela moda, arte e arquitectura e por isso, cedo, resolveu ampliar a sua quinta pela mão do arquitecto Henry Holland que projectou uma nova residência conhecida como "The Marine Pavilion".
A casa era também utilizada pelo Príncipe para os seus encontros com Mrs Maria Fitzherbert, por quem estava apaixonado, mas com quem nunca se poderia casar por ela ser católica (apesar disso conta-se que se casou aqui secretamente com o amor da sua vida...)...
Com a vinda de George, logo começaram a chegar muitas figuras da sociedade Londrina e a calma aldeia de pescadores depressa cresceu e começou a ser chamada de"London by the sea"...
Em 1811, George tornou-se Príncipe Regente pela incapacidade de reinar de seu pai George III e o Marine Pavilion passou a ser pequeno para os eventos sociais e o estilo de vida do futuro George IV. Foi então chamado o arquitecto John Nash que, em 1815, iniciou a construção do incrível palácio oriental que demorou 7 anos até ser concluída! Durante o período da construção o príncipe convidava os amigos para, após o jantar, fazerem uma visita guiada das obras e, com os planos de arquitectura na mão, explicava todos os promenores do seu projecto favorito...

The Royal Pavilion é rodeado por lindíssimos jardins que, hoje em dia, são utilizados como parque público da cidade de Brighton...

Desde há 200 anos, esta extraordinária fantasia oriental é a mais famosa imagem da cidade de Brighton no mundo! O seu magnífico interior e a exuberante decoração relembra o carácter e personalidade únicos do rei George IV de Inglaterra...




The Music Room... as fotos interiores não são permitidas, mas este postal mostra a fascinação do rei pelos objectos orientais. Ele gostava, especialmente, de objectos chineses de decoração e de papel de parede pintado á mão...

The Great Kitchen... George IV era apaixonado pelo design e equipamentos da sua nova cozinha! Chegava a levar os convidados para lhes mostrar a " King`s Kitchen"...
Foi uma das primeiras áreas a serem completadas na construção do Palácio. Aqui eram preparados magníficos banquetes para o Rei e, apesar de algum equipamento ter sido removido no final do séc XIX, o interior continua muito próximo daquele que era usado pelo "Team of Chefs" do rei em 1820...

A presença de George trouxe enorme impacto no desenvolvimento de Brighton apartir de 1780. A população cresceu significativamente e a construção do Palácio promoveu emprego para muitos operários e artesões da cidade.
A presença da corte e de muitos amigos do Rei foram extremamente importantes para a prosperidade do comércio e indústria local.
George tornou-se rei em 1820, mas devido ao aumento das suas responsabilidades e posteriormente ao agravamento do seu estado de saúde, apenas fez duas visitas ao Royal Pavilion após o final da sua construção, em 1824 e 1827.
Foi o seu irmão mais novo William IV que lhe sucedeu em 1830. William foi um rei afável e popular e continuou a visitar Brighton e a instalar-se no Royal Pavilion com a sua familia.
Sucedeu-lhe a sua sobrinha, a Rainha Victória, que sempre se sentiu desconfortável por habitar um palácio associado ao estilo de vida extravagante e boémio do seu tio. Como tinha uma familia grande e o Royal Pavilion não se adaptava ás suas necessidades de espaço e privacidade a rainha vendeu-o á cidade de Brighton. Convencida que que ia ser demolido, levou a maior parte da mobilia e objectos de decoração para as outras casas reais.
Brighton continuou a desenvolver-se e com a abertura da linha de comboios London-Brighton iniciou-se uma época de turismo sem precedentes.
A Rainha Victória reenviou para Brighton a maior parte dos objectos e deu outros de presente para a abertura ao público do Royal Pavilion. Depois de ter servido de hospital na Segunda Guerra Mundial, o mais original palácio inglês, foi cuidadosamente restaurado ao seu esplendor inicial. O sonho do rei George IV foi decisivo para o desenvolvimento da cidade durante o séc XIX e está directamente ligado á moderna e vibrante Brighton dos dias de hoje...
Em 1806 o Princípe de Gales autorizou a construção do Theatre Royal que está localizado muito próximo do Royal Pavilion. Foi inaugurado em 27 de Junho de 1807 levando á cena Hamlet de Shakespeare...

A mais antiga parte de Brighton é um bairro de ruelas estreitas conhecido como The Lanes... numerosas boutiques, lojas de antiguidades , cafés acolhedores e restaurantes estão hoje localizadas nas antigas casas de pescadores do final do séc XVIII, príncipio do séc XIX...









Lindos edifícios de diferentes estilos arquitectónicos conviem em armonia no centro da cidade...


The Brighton Pier ... outra das imagens de marca da cidade , junto com as cadeirinhas de praia de risquinhas coloridas... O Pier é um local de diversão tanto para os habitantes de Brighton como para os turistas ,com as suas salas de jogos ,lojas e cafés...



Ao sol no Brighton Pier ...com uma fantástica vista para a praia e avenida marginal...


As típicas casas vitorianas alinhadas de um e outro lado das ruas perpendiculares ao mar e á avenida marginal...


O glamour das épocas balneares do final do séc XIX e princípio do séc XX está bem patente nos fantásticos edifícios dos grandes hoteis na avenida principal junto ao mar...



Um dos vários e lindos coretos da cidade de Brighton...

Não, não ficamos em nenhum dos majestosos hoteis da marginal... Whitburn Lodge ... só para quem sabe que o sucesso de uma viagem depende muito de pequenos pormenores ...

18 comentários:

Beatriz disse...

Que fotos Margarida!!!
Um deslumbre este cantinho da Inglaterra, não! E você sempre a descobrir novos caminhos...
Obrigada por me fazer conhecer, mesmo de tão longe, aqui no Brasil, snif...
beijinhos
Bia
www.biaviagemambiental.blogspot.com

Claudia Liechavicius disse...

Menina!
Você andava sumida. Eu já estava sentindo sua falta.
Brighton é uma cidade graciosa, mas falando a verdade... praia é detalhe... O melhor da cidade são suas ruelas lindas, seus prédios antigos, edificações reais. Não é?
Você é a maior fã da Inglaterra que conheço. hehe.
Beijos
Claudia

Margarida Nobre disse...

Bia

Obrigado!Vc também já me fez descobrir lindos cantinhos desse mundo que é o Brasil!

A Inglaterra é um país muito especial!Quando vier á Europa não deixe de o incluir na sua listinha...
beijinhos

Margarida Nobre disse...

Claudia

Tenho andado sumida mesmo...lots of work!!hehe...no trabalho mesmo e na preparação da Big Trip da Páscoa!

I LOVE England...and Wales...and Scotland...everything!!hehe

Realmente eu não fui a Brighton por causa da praia...rsrs...fui principalmente pelo Royal Pavilion...mas acabei por encontrar uma cidade muito bonita,luminosa e bem animada!
Beijos

Carol Wieser disse...

Eu acho que vi uma praia por aqui... hehehe.

Adorei! Como sempre seus posts além de belos, são uma fonte de cultura e história. Adorei ver a praia muito além da areia e água do mar :)

Sabe que lembro de você toda vez que a Martina usa a sua camisetinha? Uma fofa, tenho que te mandar uma foto.

Beijos

Margarida Nobre disse...

Carolzinha

Vc viu mesmo uma praia por aqui,o que é muuuuito raro!hehehe

A ideia é mesmo essa...mostrar os lugares de que gosto muito para além do que se vê á primeira vista...senão,como poderia ter interesse uma praia num país frio com Inglaterra??hehehe

Tem que mandar a foto sim!!Fico á espera...adorava ver a Martina com a camisetinha Portuguesa...

Super beijo

Paula Vidigal disse...

Também lá estive e adorei!

Margarida Nobre disse...

Paula

Eu acho impossível alguém não gostar de Brighton!!
Mas eu também sou suspeita porque sou completamente fã de Inglaterra...

Rosi A. Soares disse...

Realmente, linda cidade, eu sou suspeita em dizer já que amo a Europa e seus cantinhos rústicos e tradicionais...
E as fotos então, fiquei viajando em cada uma delas, beijos e sucesso!

Margarida Nobre disse...

Olá Rosi

Obrigado!

Eu também sou suspeita porque,tal como vc, também amo a Europa!
Eu acho que são mesmo esses cantinhos que dão um charme diferente a este continente...
Bjs e volte sempre!

Patricia disse...

Lindos o lugar e as fotos. Margarida sempre dando um jeito de desestressar a nossa vida com imagens e historias maravilhosas. Nao conhecia a historia desse rei com o pavilhao, adorei. Nessa mesma epoca, Brighton aparece no livro Orgulho e Preconceito da Jane Austen. Uma das personagens secundarias viaja para la e isso muda o rumo de toda a historia. Agora entendo porque essa personagem quis tanto ir para la!

Bjs!

Patricia.

Margarida Nobre disse...

Patrícia

Apesar de ter visto o filme e lido o livro de Jane Austen,não me lembrava que uma das personagens tinha viajado para Brighton!!
Mas Brighton merece mesmo ser visitada... até por personagens de livros...
Beijos

Sílvia Oliveira disse...

Do jeitinho que eu gosto: cheio de fotos e relatório informativo completíssimo. Parabéns! Beijos!

Margarida Nobre disse...

Sílvia

Obrigado!
São exactamente esses também os motivos que me levam a gostar tanto do Matraqueando!
Bjs

Ana disse...

Adorei! Vivi em Brighton e foi bom rever! Os textos estão fantásticos.
Continue!

Margarida Nobre disse...

Ana

Obrigado!
Eu acho que Inglaterra é o país de que mais falo aqui no Blog!Apesar de nunca lá ter vivido sinto-me em casa a cada nova visita...
Brighton é mais um dos lugares lindos que tenho encontrado por lá...

luis cabrita disse...

Brighton. cidade lindissima de onde tenho ótimas recordações. As suas fotos são muito bonitas e consigo revisito alguns locais de Inglaterra, País que gosto muito mas que ainda me falta tanto para conhecer. Obrigada Margarida. Isabel Cabrita

Margarida disse...

Olá Isabel

Também gostei muito de Brighton! :-)
Aliás, eu sou uma apaixonada por Inglaterra, como já deve ter reparado se segue o meu Blog...
Posso dizer que já conheço alguma coisa do meu país favorito mas, em cada nova visita, descubro sempre um sem número de novos lugares maravilhosos...uma das minhas últimas viagens por Inglaterra foi nos condados de Dorset e South Devon e simplesmente adorei...
Ah... e Amo Londres! :)
Um beijinho

AS VIAGENS DE MARGARIDA